quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Três fotos: três realidades

Hoje à tarde, nas dependências da secretaria de Turismo da Laguna, foi lançada oficialmente a programação de carnaval, conforme matéria divulgada no site da prefeitura, inclusive com fotos de Marco Bocão.

O Rei Momo Rochinha e suas musas Manuela da Costa Soares (Escola de Samba Xavante) e Graziele Rosa (Escola de Samba Vila Isabel) marcaram presença e mostraram samba no pé.
Defronte ao Museu Casa de Anita posaram para fotos.

Para um bom observador, mesmo a despeito da beleza das duas jovens sambistas, dois detalhes na foto acima mostram meio que a improvisação e a falta de cuidados com nossa maior festa. 
Há ainda um terceiro detalhe que diz respeito ao nosso patrimônio histórico. Vejam:

A coroa do Rei Momo, feita de reles papel metalizado. Um desprestígio ao reino da Babilônia, convenhamos. Para um carnaval que se pretende ser o melhor do sul do Brasil...


Meias brancas furadas do Rei Momo, tapadas com esparadrapo:

Quem sabe dos R$ 500 mil destinados a este carnaval e mais as chamadas contrapartidas, sobre alguns trocados para aquisição de uma coroa mais condizente e de novas vestimentas ao Rei Momo Rochinha.


Placa da Casa de Anita foi furtada



Além disso, a citada foto, ao fundo, mostra o sumiço esta semana (da noite de segunda para terça-feira) da histórica placa em bronze da parede frontal da Casa de Anita, ali colocada quando de sua restauração, em 1978. 
Mais uma placa furtada que se vai dos nossos monumentos. E são tantas sem as devidas reposições. 
Há uma câmera de segurança bem ao lado, pertencente à Guarda Municipal. Estará funcionando? Registrou o furto? Ou estará pifada como tantas outras na cidade?
Eis mais um crime contra o nosso patrimônio histórico. E ninguém . Absolutamente ninguém diz nada.

Um comentário:

  1. Bom dia!!!!
    Pois é! Já não é do conhecimento de que quando o Museu Anita Garibaldi estava em reforma, muitas coisas "evaporaram"? Documentos,objetos, símbolos, etc...
    Alguém fez alguma coisa?

    Recuperaram alguma coisa?

    Certamente mais um caso que estará fadado ao acaso, ao esquecimento....

    Fatima Martins

    ResponderExcluir