quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Fraudes no Bolsa Família. Laguna está na lista, diz Ministério Público Federal

O Ministério Público Federal (MPF) identificou 366 casos suspeitos de fraude em beneficiários do Programa Bolsa Família em municípios da Amurel, entre empresários, falecidos e servidores públicos, 

Na Laguna, os dados apontam 33 empresários (R$ 125.598,00), um falecido (R$ 1.488,00) e um servidor (R$ 3.744,00).

O levantamento feito pelo MPF compreende o período de janeiro de 2013 a maio de 2016.
Os dados do MPF não apontam publicamente os nomes dos beneficiários suspeitos de irregularidades.

Para conferir matéria sobre o assunto publicada na edição de hoje do Diário do Sul, basta clicar aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário