terça-feira, 27 de novembro de 2018

Os padres lagunenses

Trago aqui, uma relação de padres nascidos na Laguna ao longo de sua história.
Vejamos:

O primeiro
O primeiro foi o sacerdote Antônio Nunes Barreto, mais tarde elevado a Cônego em 1832. Em 1856, como vigário visitador, abençoou a primeira capela de Nossa Senhora Mãe dos Homens, em Araranguá.

O segundo
Padre Manoel João Luiz da Silva.
Em seguida, o padre Manoel João Luiz da Silva, nascido em nossa cidade em 19 de dezembro de 1827 e que paroquiou Laguna durante 57 anos (1854 a 1911), tendo sido ordenado padre em 5 de agosto de 1854. (Ver post neste blog aqui).

O terceiro
O terceiro foi o padre Pedro da Silva, durante muitos anos vigário de Vila Nova e Mirim.

O quarto
O quarto padre foi Júlio Carlos de Oliveira, vigário em Tubarão e Araranguá. Em 1872 era vigário nesta última cidade, quando chegou vinda do Rio de Janeiro, a Imagem de Nossa Senhora Mãe dos Homens.
Os padres Antônio Nunes Barreto (o 1º) e Júlio de Oliveira  (o 2º) nasceram na Rua do Fogo (Voluntário Fermiano, no centro da Laguna), conforme Saul Ulysséa.

O quinto 
Padre Walmor Martins de Castro.
O quinto foi o padre Walmor Martins de Castro, nascido em nossa cidade em 16 de março de 1914, filho de Salomão André de Castro e Armanda Martins de Castro.
Post sobre ele aqui.

O sexto 
Padre Itamar Luiz da Costa.
O sexto sacerdote nascido em nossa cidade foi o padre "doutor" Itamar Luiz da Costa, nascido - e lá batizado - na localidade de Laranjeiras, em 23 de julho de 1921, filho de Luiz Eduardo Costa e Dolvina Lucinda Costa.
Conforme o Blog do padre José Artulino Bensen, Costa ingressou no Seminário de Azambuja em Brusque e depois nos cursos de teologia e filosofia em São Leopoldo (RS).
Em 1945 foi para a Itália, estudar em Roma. Sua ordenação, aos 25 anos, aconteceu em 21 de dezembro de 1946, na Basílica São João de Latão, na Itália. Retornou ao Brasil em 1948 e assumiu como vigário ecônomo da catedral de Florianópolis. De 1949 a 1957 foi pároco de São João Batista de Imaruí e coadjutor de Senhor Bom Jesus de Pescaria Brava.
Em janeiro de 1957 assumiu a paróquia, recém-criada, Nossa Senhora da Conceição, em Imbituba.
Faleceu em 3 de abril de 1970. Foi sepultado em Laranjeiras e em 30 de novembro de 2008 seus restos mortais foram transferidos para Imbituba, onde foi criado um memorial que leva seu nome. É nome de ruas em Imaruí, Tubarão e Imbituba. Nesta última cidade também foi homenageado com nome de uma escola básica municipal.
Para ler mais sobre este padre, clique aqui 

O sétimo
Foto: Paróquia de Criciúma.
Padre Carlos Wecki nasceu em Ribeirão Pequeno, na Laguna, em 20 de novembro de 1933, numa família de 16 irmãos.
Filho de Ana Figueiredo e José Silvestre Wecki.
Aos 13 anos, órfão de mãe, ingressou no Seminário de São Ludgero, depois foi para o de Azambuja (Brusque) e para o Seminário de Viamão (RS), onde concluiu seus estudos e recebeu o subdiaconato e o diaconato.
Dom Anselmo Pietrulla conferiu-lhe o sacerdócio em cerimônia acontecida em 14 de julho de 1963, na igreja Matriz Santo Antônio dos Anjos da Laguna.
Logo após, concluiu o curso de Teologia, em Viamão, para onde retornou.
Atendia as paróquias de Porto Alegre e cidades vizinhas.
Em 1964, Dom Anselmo o enviou para Criciúma, onde padre Wecki iniciou sua missão na Paróquia Santa Bárbara.
Depois assumiu como auxiliar e depois pároco na Paróquia Nossa Senhora da Natividade, em Cocal do Sul. Trabalhou também por dois anos na Paróquia de São José, em Criciúma.
Em 50 anos de sacerdócio, completados em 2013, padre Wecki já havia servidos em 16 paróquias.
Algumas delas lhe marcaram profundamente, como as comunidades de Rio Maina, Cidade Mineira e Cabeçuda, em nossa cidade.
Vigário paroquial por dez anos, da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Urussanga.
Assumiu em 11 de fevereiro de 2017 a Paróquia de São Roque, em Morro da Fumaça.

Completou 85 anos de vida em 20 de novembro último, tendo sido homenageado, há alguns anos, como patrono de um estabelecimento escolar em Criciúma.

O oitavo

Padre Pedro de Oliveira/Foto/Divulgação Portal Diocese de Tubarão.

Padre Pedro de Oliveira nasceu em Parobé, Laguna, em 22 de dezembro de 1968.
Cursou o Ensino Fundamental, 1ª a 4ª séries na Escola Reunida Índio Guimarães, naquela localidade, de 1976 a 1979. Da 5ª a 8ª Séries na Escola Básica Gregório Manoel de Bem, em Ribeirão Pequeno, de 1980 a 1985.
De 1986 a 1988 cursou o Ensino Médio (Magistério de 1ª a 4ª séries) no então Conjunto Educacional Almirante Lamego (CEAL).
No Colégio Comercial Lagunense (CCL), de 1990 a 1992 fez o curso Técnico em Contabilidade. De 1995 a 1997 graduou-se em Filosofia pela Unisul e depois, de 1998 a 2001, em Teologia pelo Instituto Teológico de Santa Catarina, em Florianópolis.
Sua ordenação presbiteral com grande número de fiéis, foi realizada em 16 de agosto de 2003, na igreja Matriz São Pedro Apóstolo, em Cabeçuda e teve como Bispo Ordenante Dom Hilário Moser.
No mesmo ano, 2003, assumiu como vigário paroquial da matriz Santo Antônio dos Anjos da Laguna onde ficou até 2004. Deste ano até 2013, foi pároco da igreja Nossa Senhora do Bom Parto, em Sangão, no sul do estado.

Em 18 de maio de 2013 foi ordenado diácono por Dom Hilário Moser, em cerimônia na Catedral Diocesana de Tubarão. Seu lema diaconal: “Avancem para águas mais profundas”.

Em 2014 assumiu a paróquia Santa Terezinha do Menino Jesus, em Nova Brasília, Imbituba, onde atende dezoito comunidades, sendo dez pertencentes ao município de Imaruí e oito a Imbituba.
Anualmente é um dos convidados para ser celebrante da missa novena da Festa de São Brás, padroeiro de Ribeirão Pequeno.


O nono 
Padre Itamar Faísca Nunes.
O nono e o mais recente é o atual vigário Paroquial padre Itamar Faísca Nunes, filho de Helena Faísca Nunes e Itamar Nunes.
Sua celebração eucarística aconteceu no Centro Cultural Santo Antônio dos Anjos, às 15h do dia 14 de agosto de 2004, um sábado e foi acompanhada por mais de mil católicos, 47 padres da Diocese, além de familiares e amigos. A ordenação foi presidida pelo bispo diocesano Dom Hilário Moser.
No domingo, 15, às 19h, igreja matriz igualmente ficou lotada para a primeira missa do novo sacerdote e após, um jantar de confraternização no Centro Cultural.
Padre Itamar assumiu suas funções primeiramente na paróquia de Imaruí.

 Depois foi pároco da igreja São Francisco de Assis, de Monte Castelo. Em 2014 foi transferido da Paróquia Nossa Senhora de Fátima, em Humaitá, Tubarão,  para Laguna, conforme decisão em 16 de novembro de 2013, do Bispo Diocesano Dom João Francisco Salm. 

Com exceções do sexto e oitavo, todos eles receberam o sacramento de batismo no mesmo templo, a igreja Matriz Santo Antônio dos Anjos. 
Padre Itamar Luiz da Costa, o sexto, recebeu sua ordenação sacerdotal na Itália. Todos os outros o foram na Laguna realizando aqui seus primeiros ofícios religiosos. 

A buraqueira da Jerônimo Coelho

Trecho da rua Conselheiro Jerônimo Coelho, uma das principais vias do centro da cidade, tem de ser refeito (e bem feito) urgentemente. Está um caos. Os veículos ao transitarem por ali é um sacolejo só. Alguns motoristas para escaparem das crateras passam rente às calçadas. Um perigo.

O calçamento de paralelepípedos foi refeito há alguns meses, mas por conta de remendos do abre-e-fecha virou uma buraqueira. Além da poeira. Não adianta somente tapar o problema com pó de pedrisco.
Será que o secretário de obras ou o prefeito não passam por ali dirigindo seus possantes?

segunda-feira, 26 de novembro de 2018

União Operária será reformada e revitalizada

O prédio da tradicional Sociedade União Operária terá sua estrutura revitalizada e ampliada. A obra de R$ 644.031,96 mil irá começar nas próximas semanas, com duração de 180 dias. Recursos do Iphan, dentro do PAC das Cidades Históricos. Projeto elaborado em 2017. Ordem de Serviço foi assinada na última sexta-feira (23).
Sociedade União Operária. Fotos: Divulgação PML
As obras constarão de reforma nos banheiros, telhados, paredes, pintura, cozinhas, cobertura entre salão e parte externa. A empresa responsável será a Magapavi.
A arquiteta responsável pelo Iphan da Laguna Ana Paula Citadin assina a Ordem de Serviço.
Com o restauro, a segurança e a preservação estão asseguradas por um bom tempo. "Com a cozinha, o clube poderá promover eventos e recursos para manter a manutenção do prédio", salientou Ana Paula Citadin, arquiteta responsável pelo escritório do Iphan da Laguna.

Um pouco de história
A Sociedade União Operária foi fundada a 9 de fevereiro de 1903. De acordo com o professor e escritor Ruben Ulysséa, “Foram seus iniciadores os srs. Manuel Leocádio e Bonifácio Alves que convocaram os sócios fundadores para uma reunião na oficina do sr. José Cravo. A sua primeira diretoria ficou assim composta:
Presidente: João Augusto de Carvalho; vice-presidente: Bonifácio Soares; 1º secretário: Adolfo Campos; 2º secretário: José Honorato Alano; tesoureiro: Sizino Machado; 1º procurador: Vitor Modesto; 2º procurador: Francisco Alves; 1º fiscal: Bonifácio Alves; 2º fiscal: Antão Veríssimo, e bibliotecário: Lucas Viana”.

 A sede atual da União Operária, em estilo eclético, foi adquirida em 1921(era anteriormente um hotel) e está localizada na rua Santo Antônio, esquina com a rua Tenente Bessa. O atual presidente desta Sociedade é Geraldo Viana.

84 anos de amor e muita determinação

Aniversariou ontem, domingo (25), seus 84 anos de vida, dª Lenir Maria David dos Reis, ao lado dos filhos, netos e bisnetos. Viúva do saudoso Almiro Pacheco dos Reis, funcionário do porto, jogador do Barriga Verde F.C., além de presidente da Sociedade União Operária e carnavalesco da Escola de Samba Brinca Quem Pode e depois de Os Democratas.
Dª Lenir. Foto de: Ambrosina Pacheco dos Reis.
Moradora mais antiga do Largo do Rosário, no centro Histórico da Laguna, dª Lenir é exemplo da verdadeira mulher batalhadora, determinada, mãe, avó e bisavó, sempre enfrentando com coragem e muito amor no coração todos os percalços que a vida oferece. E demonstrando gestos de conforto e fé a quem necessita de uma palavra amiga.
Mãe de meus amigos de infância e juventude, Jorge, Arlindo, Jair, Ambrosina, Mirinho e Ivonete. Muitas histórias e lembranças passadas naquela praça do Rosário, hoje Jerônimo Coelho.

Desejo as maiores bênçãos de Deus e muita saúde a dª Lenir por essa data.


Turismo assim?

Três enormes grupos de turistas agora à tarde, segunda-feira, passeando pelas ruas da cidade. Cerca de 100 pessoas.
Igreja matriz fechada, Casa de Anita fechada (em reforma) e Museu Anita Garibaldi fechado (não abre às segundas-feiras). Sem falar do mercado também fechado. E por pouco não pegam a Carioca também fechada.
Assim fica muito difícil fazer turismo na Laguna.

Momentos do lançamento da Coletânea Literária

Alguns momentos na noite do último sábado, nas dependências do Ravena Cassino Hotel, do lançamento da Coletânea Literária “Mentes de Vários Tons”, pela Academia de Letras do Brasil de Santa Catarina - Seccional da Laguna.
Cobertura fotográfica de Elvis Palma:




















sábado, 24 de novembro de 2018

Carioca é reaberta: água está apta para beber, diz laudo da Casan

Foi reaberta ontem à tarde (23) a Fonte da Carioca. Um boletim de análises físico-químicas e bacteriológicas da água foi realizado pela Casan que entregou os resultados ao prefeito Mauro Candemil, atestando que a água está própria para consumo.
Foto: Elvis Palma
Ao contrário do divulgado anteriormente pela própria prefeitura, da necessidade de contratação de uma empresa especializada, uma equipe coordenada pela Defesa Civil esteve ela própria limpando a instalação hidráulica que liga a vertente da água subterrânea até as torneiras da Fonte da Carioca. A Secretaria de Obras também esteve atuando no local.
Na quinta-feira, 22, técnicos da Casan estiveram na Fonte da Carioca recolhendo a água da vertente subterrânea das torneiras para exames laboratoriais.

"Totalmente apta para tomar"
De acordo com o gerente regional da Casan, Giovani Pickler, "o PH está dentro da portaria que exige 6.0, coliformes fecais e totais deu zero. Totalmente apta para tomar", afirmou ele que frisou a parceria da prefeitura da Casan para agilizar a liberação.
Foto: Divulgação/PML
A abertura das torneiras ocorreu com a presença da presidente da Fundação Lagunense do Meio Ambiente, Deise Diana Xavier, que assumiu o cargo esta semana no lugar de Patrick de Souza; presidente da Câmara de Vereadores, Cleosmar Fernandes; Antônio Silva, da Defesa Civil; secretário de Obras, Renato de Oliveira, secretário de Turismo, Evandro Carneiro Flora e o coordenador de Vigilância Sanitária Municipal, Alex da Silva de Bem. 

Oito anos sem manutenção
Ausências notadas da presidente ou representantes do Conselho Municipal do Meio Ambiente (Comdema) que foi quem sugeriu à prefeitura, mediante laudos, o fechamento da Carioca para limpeza e manutenção, o que não era feito há oito anos, conforme informações do próprio Comdema.

sexta-feira, 23 de novembro de 2018

O comentário da semana - A repercussão do Projeto que proíbe fogos com barulho

Comento aqui o Projeto de Lei nº 0078/18, de autoria da vereadora Nádia Tasso Lima (PMDB) que proíbe fogos de artifício e artefatos pirotécnicos com ruídos sonoros na cidade da Laguna SC. Aprovado em 1ª votação em 20 nov 2018.

quinta-feira, 22 de novembro de 2018

“Paisagem da Janela”

No casarão da esquina entre as ruas Jerônimo Coelho e Duque de Caxias, defronte ao Jardim e Clube Congresso Lagunense, numa janela lateral, olhos felinos observam:
“Da janela lateral do quarto de dormir
Vejo uma igreja, um sinal de glória
Vejo um muro branco e um vôo pássaro
Vejo uma grade, um velho sinal”.
(...)

Lô Borges (melodia) e Fernando Brant (letra).

Assistência Social com novo titular

O ex-vereador e advogado Hirã Floriano Ramos foi nomeado secretário municipal de Assistência Social e Habitação da Laguna. Portaria foi publicada no Diário Oficial desta quinta-feira (22).

Substitui Maria de Fátima Figueiredo Duarte, exonerada, a pedido, no último dia 19, com publicação no Diário Oficial de 21, juntamente com o secretário-adjunto Aderbal Moreira Cardoso.
Na eleição de 2016, concorrendo a vereador pelo PP (Partido Progressista), Hirã Ramos ficou na suplência, obtendo 556 votos. Foi assessor jurídico da Câmara de vereadores de Pescaria Brava.
Na eleição de 2012, obteve 681 votos, concorrendo pelo PMDB, ficando também na suplência, e por várias vezes substituiu o vereador Orlando Rodrigues (PSD), na coligação.


quarta-feira, 21 de novembro de 2018

Vereador quer regras para uso e ocupação de espaços públicos nos eventos na Laguna

O vereador e presidente da Câmara Cleosmar Fernandes (PMDB), apresentou na sessão da última terça-feira (20), o Projeto de Lei nº 0085/18, estabelecendo regras para o uso e ocupação de espaços públicos para fins de realização de eventos diversos, mediante os instrumentos da autorização, permissão e concessão.
Vereador Cleosmar quer regulamentar uso de espaços públicos para eventos.
O projeto foi aprovado em primeira votação por maioria por 11 x 1. Vereador Kléber Roberto (Kek) Lopes Rosa (PP) votou contra, com ausência do vereador Osmar Vieira (PSDB), por problemas de saúde.

Em seu art. 4º o projeto de lei estabelece que “Não será permitida a ocupação de passeios, passagens, áreas de circulação de pedestres em praças, áreas de jardins, canteiros centrais, ilhas e refúgios, com mesas, cadeiras e churrasqueiras, ou quaisquer outros equipamentos que venham a obstruir a acessibilidade, excetuando-se em locais projetados e adequados para tal, mediante prévia outorga dos órgãos competentes da Administração Municipal e demais exigências legais, nos termos previstos nesta Lei”.
Regras para uso do espaço público, como na Praça Seival.
De acordo com o vereador proponente, o objetivo principal de seu Projeto de Lei é regulamentar as regras para uso do espaço público na cidade da Laguna.
Ele justifica sua proposta dizendo que “é de conhecimento de todos que vem ocorrendo em nossa cidade alguns eventos que em alguns casos carecem da devida regulamentação e fiscalização”.
Bem por isso, frisa o vereador Cleosmar, se faz necessária a regulamentação por meio de uma lei própria, a concessão dos espaços públicos para a realização de determinados eventos.

Para ler na íntegra o projeto de lei 0085/18, clique aqui.

Dia de Santa Catarina

O comandante-geral da Polícia Militar de Santa Catarina, Carlos Alberto Araújo Gomes Júnior, o comandante da 8ª Região da Polícia Militar, coronel João Carlos Neves Júnior, e o comandante do 28º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Jefer Francisco Fernandes, convidando para a solenidade alusiva ao Dia de Santa Catarina – Promoções e entregas de condecorações e equipamentos.

O evento vai acontecer no próximo dia 23 (sexta-feira), às 10h na sede do 28º Batalhão da Polícia Militar, na Laguna.

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Aprovado em primeira votação, projeto que proíbe fogos de artifícios com ruídos sonoros

Projeto de Lei nº 078/18, de autoria da vereadora Nádia Tasso Lima (PMDB), que proíbe a utilização de fogos de artifícios e artefatos pirotécnicos com ruídos sonoros no município da Laguna, foi aprovado por maioria em sessão da Câmara na noite de hoje.
O resultado foi de 9 a 3, com ausência do vereador Osmar Vieira (PSDB) que se retirou do plenário alguns minutos antes por problemas de saúde.
Votaram contra o projeto os vereadores Rodrigo Luz de Moraes (PR), Thiago Alcides Duarte (PMDB) e Adilson Paulino (PSD).

Em seu parágrafo único, o projeto diz que a proibição estende-se a todo o município, em recintos fechados e ambientes abertos, em áreas públicas e locais privados.
Para quem descumprir a lei, fica estabelecida multa de 100 UFRM (Unidade Fiscal de Referência Municipal).
Vereadora Nádia Tasso Lima (PMDB), autora do Projeto.
A fiscalização dos dispositivos constantes da lei e a aplicação das multas decorrentes das infrações ficarão a cargo dos órgãos competentes da administração pública.
O projeto agora vai para segunda votação, no próximo dia 27 e se aprovado vai para sanção do prefeito municipal. Lembrando que estamos a 40 dias do fim do ano. 

A vereadora autora do projeto frisa em sua justificativa que “o projeto não tem o condão de proibir a comercialização de fogos de artifício de qualquer natureza, APENAS E UNICAMENTE os que causem ruídos”.

Em Florianópolis a prefeitura já informou que as festividades de réveillon este ano serão celebradas somente com fogos sem ruídos.
Íntegra do Projeto 078/18, com a justificativa aqui.

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

Registro de chapas para eleição da CDL foi prorrogado até amanhã

Por falta de registro de chapas para eleição à diretoria da Câmara de Dirigente Lojistas (CDL) da Laguna, o prazo de inscrição, que venceu no último dia 5, foi prorrogado até amanhã (20). Já o pleito continua marcado para 28 de novembro próximo.
Em entrevista ao Portal Agora Laguna, a atual presidente do CDL Ondina Silveira lamentou a situação: “Não é possível a entidade ficar sem representação no nosso comércio, pela força que possui”.
A presidente declarou que não pretende concorrer à reeleição, que já fez sua parte e que outros associados devem assumir a entidade. Seu mandato, de dois anos, acaba em 31 de dezembro deste ano.
Ondina também afirmou ao Portal, que os problemas jurídicos que a CDL teve anos atrás em sua maioria já foi resolvido, não sendo empecilho para não haver participação em chapas com vistas à eleição.

Desunião e reclamações
Um associado da CDL disse a este Blog, sob sigilo (em off), que  não se candidata porque além da grande responsabilidade em assumir o órgão, falta mais união entre a classe e que muitos não colaboram nas iniciativas. Salientou ainda: "Sequer participam da ornamentação (enfeites) para o natal, pra tirar uma colaboração para um evento é um parto. Como trabalhar assim?". 
E desabafou por fim: “O pessoal não é unido, muita gente só pensa em si e em seu estabelecimento, não pensam no geral e no futuro e muitos só reclamam de tudo. Esquecem que com isso todos perdem".

Se não houver nenhum chapa inscrita, diz a presidente que a situação será entregue ao jurídico da FCDL em busca de uma solução.
Espera-se que até amanhã uma chapa seja montada e inscrita, vencendo assim por aclamação, aliás, como aconteceu na eleição passada.

Antônio Palma: 84 anos de vida

Aniversariou seus 84 anos bem vividos ontem, domingo (18), o sr. Antônio Palma.
Daqui desta página, e de coração, lhe desejamos muita saúde, paz e alegria.
Antônio Palma é fonte de inspiração, trabalho e de exemplo para todos nós, sempre cheio de energia, aprendendo coisas novas no dia a dia, além de possuir um espírito jovem e entusiasta.
Ao lado da esposa Marisa Lopes Palma, forma um casal querido de nossa sociedade.
Marisa Lopes Palma e Antônio Palma. Sempre juntinhos.
Antônio Palma com os filhos Elvis e Éder.




Hino à Bandeira Nacional em seu Dia


sexta-feira, 16 de novembro de 2018

O comentário da semana - O fechamento da Carioca e as obras na Escola Jerônimo Coelho

A partir de hoje pretendo semanalmente postar um ou mais vídeos no YouTube e aqui no Blog, com comentários sobre fatos da nossa cidade. O vídeo será postado às sextas-feiras ou a qualquer momento.
É uma experiência. Vamos ver.

Lançamento de Coletânea Literária

A Academia de Letras do Brasil de Santa Catarina, Seccional da Laguna, através da sua presidente interina Adir Damázio Chede, convidando para o lançamento da primeira Coletânea Literária Mentes de Vários Tons.
O evento acontecerá no próximo dia 24, a partir das 20h, no Auditório do Ravena Cassino Hotel e contará com a participação artística de João Rodrigues Júnior (que fez a ilustração da capa do livro), e da Banda Mais de 40.
O lançamento da obra ainda terá um jantar, por adesão, ao preço de R$ 50,00 por pessoa, sendo servido após a solenidade de lançamento e das apresentações musicais.
PS: o jantar foi cancelado.

Apresentação da Banda dos Fuzileiros Navais foi um sucesso

É como se diz: Quem não foi perdeu. A apresentação ontem, no Clube 3 de Maio, da Banda de Música do Grupamento de Fuzileiros Navais em Rio Grande, foi um enorme sucesso.
A Banda, sob a regência do Suboficial, Fuzileiro Naval, Jonas Olímpio Pereira é constituída de 23 integrantes, sendo um SO como mestre e 22 executantes nas graduações de SO/SG, que se dividem em 01 flauta, 03 clarinetes, 03 saxofones, 01 bombardino, 02 trompas, 06 trompetes, 01 bombardão, 01 caixa, 01 par de pratos e 03 bombos.
O evento, em comemoração a Proclamação da República, foi promovido pela Delegacia da Capitania dos Portos da Laguna através de seu capitão de corveta Aldo Carvalho da Rocha. 
No repertório, a Banda abriu e fechou o show com Cisne Branco e sucessos (pout pourri) de Djavan, Tim Maia, Legião Urbana e Michael Jackson.

Presença de um ótimo público. Na plateia vários músicos de nossas centenárias Bandas União dos Artistas e Carlos Gomes, além das Bandas de Imaruí e Imbituba, todas com seus respectivos maestros.

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

Merecida aposentadoria

Na noite de ontem, quarta-feira (14), um jantar de confraternização entre professores, direção e familiares, da Escola de Educação Básica Comendador Rocha, marcou a homenagem à merecida aposentadoria da professora Margarete Batista Rodrigues.
O diretor do tradicional Estabelecimento Escolar estadual de nosso município, Norberto Pedro de Amorim e o assessor de direção Joel dos Reis, teceram os maiores elogios à profissional que ora se despede do corpo docente daquela Escola.
Professora Margarete discursa em agradecimento, observada pelo diretor Norberto Pedro de Amorim.
Julita, Margarete e o assistente de direção Joel dos Reis.
Nosso reconhecimento a Margarete pela dedicação, empenho e paciência na preparação durante todos esses anos das mentes do futuro, inspirando seus alunos a aprenderem e também lhes fornecendo bases para que se tornassem melhores pessoas.

Inventário de Auroras

Bastante concorrido na última terça-feira(13) o lançamento do livro de poemas Inventário de Auroras, do escritor Dinovaldo Gilioli, no Café Barió, no Centro Integrado de Cultura (CIC), em Florianópolis.
Lá estivemos para dar um abraço ao Dino e parabenizá-lo por essa mais recente obra, aliás, resultado do Prêmio Miau de Literatura. 
O trabalho foi selecionado entre 328 inscritos, de escritores de todas as regiões do país. Feito de forma artesanal e com papel reciclado, foi publicado pela editora Costelas Felinas, de São Vicente-SP, promotora do Prêmio.

sábado, 10 de novembro de 2018

Lançamento literário

Escritor Dinovaldo Gilioli na próxima terça-feira (13), em Florianópolis, das 18h00 às 21h30, no Café Barió, no Centro Integrado de Cultura (CIC), o livro de poema Inventário de Auroras.
O livro apresenta poemas curtos em linguagem clara, com humor, fina ironia e transitando por temas diversos.
Inventário de Auroras é resultado do Prêmio Miau de Literatura e foi selecionado entre 328 obras inscritas, de escritores de todas as regiões do país. Feito de forma artesanal e com papel reciclado, foi publicado pela editora Costelas Felinas, de São Vicente-SP, promotora do Prêmio.
Gilioli tem sete livros e poemas em mais de 20 antologias, devido a premiações literárias, além de possuir artigos publicados em jornais e revistas do Brasil, principalmente veículos alternativos, e ter sido editor da Revista Pantanal, divulgando trabalhos de poetas e contistas brasileiros.

Dino foi dirigente do Sinergia e trabalhador da Eletrosul, onde integrou o Conselho de Administração. O escritor, ativo colaborador do jornal Linha Viva, é natural de Leópolis, no interior do Paraná, e reside em Florianópolis há cerca de 40 anos.
Durante o evento, aberto a todos, o poeta fará uma intervenção com o objetivo de aproximar a palavra poética do público.

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

Concerto em comemoração a Proclamação da República

 Delegacia da Capitania dos Portos da Laguna, através do capitão de corveta Aldo Carvalho da Rocha, convida a comunidade para prestigiar a apresentação da Banda de Música do Grupamento de Fuzileiros Navais em Rio Grande, em comemoração a Proclamação da República.
Foto: Folha Militar/Divulgação
O concerto é gratuito e será realizado no dia 15 de novembro as 19h, na Sociedade Recreativa 3 de Maio, localizada na Rua João Pessoa, Magalhães.

Ingenuidade política?

Tem político do PP da Laguna já entabulando conversas com vistas à filiação no PSL, pensando numa eventual candidatura à prefeitura em 2020.
É uma saída, já que ficou sem chão no partido ao não apoiar as candidaturas dos Amin eleitos: Esperidião (senador), Ângela (deputada federal) e João Amin (deputado estadual).
É o que dá não ouvir conselhos dos amigos e fazer escolhas errôneas. De repente pode até jogar fora uma carreira política, nesse verdadeiro jogo de xadrez.

Atchim!

Tem um político do MDB da Laguna, oportunista como ele só, que agora basta um deputado eleito da região dar um simples espirro que o sujeito corre para as redes sociais  e logo escreve: 
- Saúde deputado, amém.
Isso que o deputado ainda não tomou posse. 
O que não se faz por um cargo.