terça-feira, 8 de janeiro de 2019

Dois artistas no palco da vida: Silvério e Thiago. "Se foi assim, assim será..."

"Minha vida era um palco iluminado
Eu vivia vestido de dourado
Palhaço das perdidas ilusões
Cheio dos guizos falsos da alegria
Andei cantando a minha fantasia
Entre as palmas febris dos corações."

Nesses primeiros dias do ano de 2019 promovo aqui no Blog uma singela homenagem a dois artistas lagunenses que muito fazem e representam à cultura de nossa cidade.

São eles Silvério Salvador de Jesus e Thiago Santiago, verdadeiros multiartistas que alegram gerações nos palcos teatrais, na música, nas letras, na imprensa e rádio, em contação de histórias ao público infantil, levando também muita emoção.


Silvério de Jesus
Silvério de Jesus, há alguns anos, no tradicional concurso de marchinhas, musa e boneca do Bloco da Pracinha.
Foto LagunainFoco/Divulgação
Silvério com sua eterna imitação do cantor Ney Matogrosso, dos Secos & Molhados, e seus personagens, marchinhas, musas e bonecas do Bloco da Pracinha. 
  


Colunista social de jornais da cidade, apresentador de programas no rádio, sem falar do célebre palhaço Pin-Pin, alegria da criançada, em várias gerações.

****

Thiago Santiago
Thiago Santiago em seu personagem Téspis, contador de histórias. Foto: Grupo Teatral Gemt
Thiago com os seus mais variados personagens no teatro Gemt. Principalmente o querido Téspis contador de histórias infantis, por ele criado. 


Thiago Santiago. Foto: Facebook
Além de ser jornalista, e também colunista em diversos jornais, escritor, criador do troféu O Pyrilampo.


******
Silvério e Thiago, dois tradicionais carnavalescos da Laguna, mentes criativas sempre em elaboração de textos, sonhos e fantasias.

"No palco, na praça, no circo, num banco de jardim
Correndo no escuro, pichado no muro
Você vai saber de mim
Mambembe, cigano
Debaixo da ponte
Cantando..."

Os dois atualmente com problemas de saúde, mas enfrentam os percalços da vida com determinação e coragem, graças ao bom Deus.
Bem por isso nos juntemos em preces pedindo nesses primeiros dias de um novo ano, muita luz, esperanças e uma breve recuperação para que eles dois continuem seus trabalhos e jornadas terrenas, trazendo alegria a todos nós.
E que, em nome da arte, da cultura, nunca sejam esquecidos, mas sempre valorizados  pelas autoridades ligadas à cultura e pela população lagunense.

"Poeta, palhaço, pirata, corisco, errante judeu
Cantando
Dormindo na estrada, no nada, no nada
E esse mundo é todo meu ..."

7 comentários:

  1. Bacana esta homenagem. Devemos apoiar a cultura sempre, ainda mais que o poder público deixa de fora este quesito. Parabéns, artistas! Continuem a nos brindar com esta alegria e beleza!

    ResponderExcluir
  2. Tem meu respeito, admiração, Parabéns!!!!!!

    ResponderExcluir
  3. Grandes artistas tem que ser valorizados, como dizia Ramsés Viana: "Não só de aplausos vive o artista"....

    ResponderExcluir
  4. Parabéns pela homenagem Valmir , Silvério e Thiago merecem. Dois artistas nem sempre valorizados por "otoridades" que não são da área e não entendem nada e são colocados lá pelo QI ( Quem indica). E se acham.
    Geraldo de Jesus

    ResponderExcluir
  5. Parabéns Valmir pela atitude de fazer esta homenagem a dois grandes de Laguna.Ambos merecem os aplausos e reconhecimento do público e do poder público.

    ResponderExcluir
  6. Dois gigantes da cultura Lagunense;Junto ão grande Mala,fazem desta esquecida Laguna ,um grande palco de amor,dedicacao,talento nato e cultura de vera.

    ResponderExcluir